quarta-feira, 26 de maio de 2010

falava sem gesticular

fazer poesia é defesa

que tenho

no peito, guardada

tão só

Toda prosa

que

parece até

Que vive

fora

3 comentários:

vanessacamposrocha disse...

assim eu sou também...

ricardo magalhães disse...

assim somos nós, Vanessa!

Luanne Araujo disse...

assim ela gostaria, a poesia, viver fora. criação tão real que parece que existe mesmo.

Seguidores

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.